fbpx

Sabes aquela sensação de passar a ser um “Senhor”?

Há coisas que mexem connosco conforme somamos idade.

Lembro-me da primeira vez que me trataram por “Senhor”.

A internet tinha ido abaixo, liguei para o atendimento ao cliente, perguntaram o meu nome e, em vasta glória disseram, “Senhor Afonso” em todo o diálogo que tiverem comigo!

Durante 3 dias corrigi todas as pessoas que me tratavam pelo nome próprio, porque eu agora já não era só o Afonso, era o Senhor Afonso!

Mas desde aí, depois de passar a euforia, não voltei a sentir essa sensação, essa glória, durante muito tempo.

Até ao dia em que deixei crescer a minha barba.